18 abril, 2007

BARRAGEM de Arcossó




Apesar de ser chamada por muitos nomes, esta é uma barragem que muito orgulha as gentes de Stº António de Monforte. Chamariz para muitos visitantes, vale a pena fazer a visita a este lindo espaço natural que já merecia alguma intervenção no sentido de se tornar um verdadeiro espaço de lazer, com segurança! Este ano como choveu bastante é um privilégio ver tanta água a ponto de já estar a deitar fora. Esperemos que o Verão não seja muito quente e seco de forma a não se esgotar esta fonte de recursos milagrosa e que tanta falta faz ao regadio. Quem a gradece também a visita é a aldeia das Nogueirinhas que graças à barragem e acessos ganhou nova vida pois estava condenada ao esquecimento pela sua localização geográfica.

7 comentários:

Águas Frias disse...

Fiquei admirado (deslculpem a minha ignorância) porque sempre conheci como Barragem das Nogueirinhas. Observei com atenção as fotos que apresentam, com receio que não fosse a mesma. Afinal já lá estive tantas vezes pois fica perto de Águas Frias. Como veem, também se aprende com o Vosso blog.

espanhol disse...

é bom saber que tamos a ensinar algumas pessoas mais ignorantes, isto sem querer ofender essas pessoas, que ñ seram ignorantes apenas mal informadas

Águas Frias disse...

Venho agradecer a informação sobre o nome da barragem e, de facto tenho consciência que pouco sei.
Mas afinal quem sabe tudo? Cuidado com quem pensa que sabe. Valorizemos aqueles que querem saber.
Já agora aqui fica a definição de ignorante: adjectivo e substantivo 2 géneros (Do latim: ignorante- )
1. pessoa grosseira, sem modos
2. pessoa de pouca cultura
3. quem critica algo sem conhecer
Penso não me enquadrar em nenhum desses significados.
Mas que sei que pouco sei. Lá isso é verdade.
Bem hajam, e continuem a divulgar e fornecer mais conhecimentos de Santo António de Monforte e dessa bela região.

espanhol disse...

Quando referi que estavamos a ensinar pessoas ignorantes, referi-m a segunda defenição de ignorante,( pessoa de pouca cultura), pois a verdade é que em relação a este tema a pessoa em causa ñ possuia a cultura necessaria, ñ disse isso com o intuito de ofender, mas sim de expressar a minha satisfação pelo facto de estarmos a ensinar alguem, ñ pretendo criticar o senhor ou senhora "Águas Frias", mas sim dizer-lhe que fico satisfeito por ajudarmos a aumentar o seu nivel de cultura.

Águas Frias disse...

Aguçou-me o interesse pela Barragem. E como Cultura no aspecto da antropologia é a totalidade de padrões aprendidos e desenvolvidos pelo ser humano. E segundo a definição pioneira de Edward Burnett Tylor, sob a etnologia (ciência relativa especificamente do estudo da cultura) a cultura seria “o complexo que inclui conhecimento, crenças, arte, morais, leis, costumes e outras aptidões e hábitos adquiridos pelo homem como membro da sociedade.”
Aquivai o que procurei e que pode enriquecer a Cultura de TODOS.

BARRAGEM DE ARCOSSÓ
UTILIZAÇÕES - Abastecimento
LOCALIZAÇÃO - DADOS GERAIS
Distrito - Vila Real
Concelho - Chaves
Local - Curral das Vacas
Bacia Hidrográfica - Douro
Linha de Água - Ribeira de Arcossó Promotor - Direcção Regional de Agricultura de Trás-os-Montes
Dono de Obra (RSB) - Associação de Regantes da Veiga de Chaves
Projectista - Hidroprojecto
Construtor - CONDURIL
Ano de Projecto - 1991
Ano de Conclusão - 1999

CARACTERÍSTICAS HIDROLÓGICAS CARACTERÍSTICAS DA ALBUFEIRA
Área da Bacia Hidrográfica - 31,1 km2
Precipitação média anual - 915,4 mm
Caudal integral médio anual - 13720 x 1000 m3
Caudal de cheia - 113 m3/s
Período de retorno - 1000 anos Área inundada ao NPA - 412 x 1000m2
Capacidade total - 4876 x 1000m3
Nível de pleno armazenamento (NPA) - 537 m
Nível de máxima cheia (NMC) - 538,25 m

CARACTERÍSTICAS DA BARRAGEM DESCARREGADOR DE CHEIAS
Aterro - Enrocamento com cortina a montante
Altura acima da fundação - 40 m
Cota do coroamento - 540 m
Comprimento do coroamento - 315 m
Largura do coroamento - 8 m
Volume de aterro - 386,62 x 1000 m3 Localização - Margem direita
Tipo de controlo - Sem controlo
Tipo de descarregador - Canal de encosta
Cota da crista da soleira - 537 m
Desenvolvimento da soleira - 35,40 m
Caudal máximo descarregado - 85 m3/s
Dissipação de energia - Ressalto

DESCARGA DE FUNDO
Localização - Margem direita
Tipo - Conduta sob o aterro
Secção da conduta - d 2,0 m
Caudal máximo - 4,9 m3/s
Controlo a montante - Comporta plana
Controlo a jusante - Válvula jacto oco
Dissipação de energia - Jacto oco e fossas de erosão
Um abraço e até breve.

MiguelGomes disse...

Gosto muito dessa zona... Sou do Porto e essas paisagens de Arcossó e Chaves são belíssimas!
Vou aí profissionalmente e adoro quando vou do Rabaçal para Arcossó, pelo meio do monte, passando Fornos do Pinhal... Belo, belo, belo!

Anónimo disse...

Who knows where to download XRumer 5.0 Palladium?
Help, please. All recommend this program to effectively advertise on the Internet, this is the best program!